Espetáculos, carteirinha para todos

A publicidade não pode servir para sensibilizar apenas os afortunados, mas estar ao alcance dos estudantes brasileiros, independentemente de que classe pertença. A educação não se resume à sala de aula, no final

Numa sociedade em que se pensa em ganhar dinheiro, os bens culturais inevitavelmente passam por este critério, ou seja, qualquer evento precisa ser pensado como meio de se obter recursos econômicos, e quanto mais melhor. O espetáculo em si representa apenas o desejo do público, considerando a quantidade, não simplesmente a qualidade. A carteirinha de estudante vem na contramão deste princípio, pois reduz os ganhos dos promotores e indústria dos shows.

LEIA MAIS

Anúncios

Sobre Antonio S. Silva
Jornalista, mestre pela PUC/SP, doutor pela UnB e professor da (UFMT). Importante o diálogo para construir um país melhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: